quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Inesperado..


Inesperado... Eu adoro esta palavra e algumas coisas a que ela se refere... eu adoro coisas que chegam sem se anunciar pelos preparativos tão cansados da minha mente... esses caminhos tão percorridos e já sem segredos.... acho que já percorri todos... cansei desses... quero outros agora....

Eu posso sentir que alguma coisa nova... muito nova, vai acontecer... e vai colorir de amanhecer o horizonte da minha esperança... É só um sentir... mas já está tomando conta de mim... eu sei que sempre chega assim um tempo novo... mas dessa vez... dessa vez acho que vai ser ainda mais diferente do que todos os tempos novos... é só um sentir ainda... mas que já faz sentido...

Não sei porque quando vem uma mudança de ciclo eu pressinto assim tão forte... não é pelo som porque o barulho do tempo é o silêncio...
A minha alma sabe quando o tempo velho já se cansou e é a hora do nascimento de um novo ciclo...
Parece que a alma está sempre grávida de eternidade e sabe quando é a hora de dar à Luz aos tempos...

Ela sabe e manda os sinais... eu percebo mas não sei ainda decifrar... e aí é que está o encantamento, porque a mente não pode criar nada... ela ainda não tem nenhum dado palpável... não sabe muito lidar com esse território da alma que fala, sem precisar de palavras...
Se a mente pega, quer seja uma dica, sobre o que vem... ela logo atrapalha criando coisas imprecisas que só desviam e atrasam os caminhos das coisas que a alma sinaliza...

Por isso... nesse tempo em que eu pressinto o novo... eu fico bem quieta e silenciosa para não dar nenhuma pista para a minha mente...
E assim a alma tem liberdade de nascer o novo sem interferência...

E quando o novo chegar... sei que vem cheio de inesperados e de cores novas... Tão novas e tão inesperadas que podem assustar quem ainda está pintado de velho tempo...

Por isso... vou cuidar para que meu coração esteja limpo e aberto... para o nascimento do tempo que vem...

Inesperado...
mas...
tão esperado...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário: